08 maio 2013

Se está desempregado, esta mensagem é para si!


Não resisto a falar do desemprego mas, se está desempregado, não espere que vá dar-lhe palmadinhas nas costas ou chorar consigo.
Não conte comigo para alimentar queixumes, negativismo e inércia! 
O desemprego pode ser visto de duas formas:
  • Uma fatalidade limitadora, que aprisiona e atrofia
  • Uma oportunidade para reflectir, fazer coisas que nunca teve oportunidade de fazer e desfrutar
Quem está de fora consegue ver claramente a perspectiva mais positiva.

Quem está desempregado geralmente balança entre as duas perspectivas. Tem dias! Tem dias bons, dias maus e dias assim-assim!

Se está desempregado, hoje é um bom dia! 

Enquanto milhões de pessoas estão a ser pagas para fazerem coisas que não gostam e conviverem com pessoas que não lhes dizem nada, você vai - comigo - retirar deste dia e dos que se avizinham, o melhor que eles lhe podem dar!

Preparado?!

  • Acorde e salte da cama! Não precisa de se levantar com as galinhas mas, vai fazer-lhe bem aproveitar o máximo de horas de luz e sol que o dia tem para lhe dar. 
  • Vista-se como se fosse trabalhar! Pijama é para dormir. Fato-de-treino é para treinar. Não se vista como o desempregado que não quer ser. Vista-se como o gestor, electricista, administrativo ou professor que quer que os outros vejam que é.
  • Controle o seu tempo! Não fique no sofá a ver mais de 2 filmes de seguida ou a ler os mesmos post do Facebook. Estabeleça tempo para fazer o que tem de ser feito: limpezas, arrumações, refeições, finanças pessoais, procura de emprego, socialização, etc..
  • Mantenha-se actualizado! Saiba o que se passa no mundo, no seu país, na sua cidade. Veja noticiários, pesquise online, leia jornais no café ou biblioteca pública.
  • Alimente a sua rede de relações! Mantenha contacto com familiares, amigos e ex-colegas de trabalho. Dê-lhes a conhecer que tipo de trabalho procura e peça-lhes que lhe dêem a conhecer oportunidades. Envie-lhes o seu CV e diga-lhes que não se importa que o reencaminhem.
  • Saia de casa! Fora das suas quatro paredes existe um mundo maravilhoso para ver, ouvir, sentir e cheirar. Passeie a pé, observe a natureza, faça exercício, fotografe, converse com outras pessoas.
  • Mantenha a sua casa limpa e arrumada! Acredite ou não, é ocupacional e terapêutico. Vai sentir-se útil e muito mais confortável num espaço organizado e limpo. E se uma amiga aparecer para o visitar, não vai ter de empurrar as pantufas à pressa para debaixo do sofá.
  • Recupere ou descubra um hobby! Deixe-se envolver por uma actividade que lhe dê prazer e o faça sentir competente. Não adie mais. Seja correr, fazer crochet, pescar ou escrever um blog, comece agora.
Faça dos seus dias novidade e conte-me como tem sido!

Sem comentários:

Enviar um comentário